O mundo precisa orar

o mundo precisa orar

Outro dia vendo uma reportagem, fiquei chocado com uma noticia sobre  um bebê de apenas oito meses que havia sido estuprado e morto. Dias após vi também uma reportagem que o tio havia estuprado e matado a sobrinha de apenas sete anos.
Vocês devem estar se perguntando o porquê que eu estou comentando sobre essas reportagens, afinal este não é um site de noticias, mas sim um site de mensagens, poemas, poesias entre outros que englobam a literatura.
Mas, ao ver essas reportagens parei muito para pensar em tudo que esta acontecendo nos dias de hoje, e me perguntei, por quê? – porque esta acontecendo tudo isso. É pai estuprando filha, filhos espancando os pais, irmão matando irmão e por ai vai. Diante de tudo isso cheguei a conclusão de que realmente o mundo está acabando.
Muitos acreditavam que o mundo iria acabar em 2000, que iria vir bolas de fogo do céu, um dilúvio, que demônios iriam ser solto e por aí vai, mas, já pararam para analisar realmente os fatos? – Os acidentes de aviões, como os que atingiram as duas torres gêmeas e outros que caíram e explodiram no ar, não foram bolas e fogo? – as enchentes, os mares revoltos, rios acima do nível, isso não parece um dilúvio? – Os terremotos, os morros formando avalanches de terra levando casas, isso não parece a terra se abrindo e engolindo casas? – E os demônios quem são? – são esses pais, irmãos, primos, amigos e essas pessoas sem coração cometendo atrocidades, principalmente com as crianças.
Isso, para mim, é o fim do mundo é o apocalipse que muitos ainda acreditam que ira acontecer, quando na verdade já está acontecendo a muito tempo.
O ser humano parece ter se esquecido do primórdio da vida. A tamanha preocupação com coisas materiais, orgias, ganância, egoísmo, inveja, rancor, são os frutos podres que estão contribuindo para que tudo isso aconteça. Você é capaz de ficar 1, 2 ,3 4, 5 horas numa festa, perde seu tempo falando da vida alheia, não esquece a hora da novela, não perde seu seriado ou filme preferido, mas, não tira dez minutos do seu tempo para ORAR, para conversar com DEUS, para pedir paz, para pedir harmonia, para pedir perdão pelo seus atos, afinal todos somos pecadores, somos errantes, não há ninguém perfeito. Você não tira um minuto do seu tempo para agradecer, agradecer pelo pão de cada dia, pela água que bebe, pelo ar que respira, pelas coisas boas que DEUS lhe proporciona, pelo os aprendizados, pois tudo na vida é uma lição para o futuro.
Que exemplo iremos dar para nossos filhos, que ensinamento terá a geração futura? – Que DEUS não existe?
Infelizmente é o que parece. O que valeu JESUS ter se sacrificado por nós, ter passado por todo aquele sofrimento e humilhação, para que? – para que todos os seus ensinamentos fossem distorcidos a favor do homem? – para que o homem pudesse aproveitar disso e enriquecer a custa dos inocentes?
Perguntas, perguntas jogadas ao vento. Não se deixe fazer parte deste ciclo de ingratos para com DEUS. Eu sei que muitos passam por dificuldades, por sofrimentos e desilusões, mas não deixe que isso faça com que você deixe de acreditar no único que ainda é capaz de fazer algo por todos nós, JESUS, por pior que sejam as dificuldades da vida, tente não reclamar, ao invés disso ore, mas ore com fé, acreditando em algo melhor, confie em si, seja otimista, não reclame da vida, pois há muitos em situações piores que a sua e que não perdem sua fé em DEUS. Olhe sempre para trás, não repita seus erros, aprenda com eles. Seja bom  para com os outros, não espere nada em troca. Nunca diga “se eu ajudar DEUS me ajudará” você não estará fazendo de coração, mas esperando algo em troca e isso é um dos maiores erros.
E se você acha que sua vida é uma droga, que seus problemas são maiores que os dos outros, que não há ninguém que sofra mais que você, lembre-se de tudo que JESUS passou sem se entregar, sem deixar de acreditar que tudo valeria a pena, que as pessoas aprenderiam com isso.
Lembre-se que humilhação nenhuma foi maior do que a que ele passou por nós, e que não teve sofrimento maior do que o de sua mãe, NOSSA SENHORA, MARIA, ao vê-lo ser crucificado.
Então não lamente da vida, ore, ore sempre, para que assim possamos ter um mundo, pelo menos, de PAZ.
Henrique Neves

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pollyanna “o jogo do contente”

Não somos filhos da religião, somos filhos de Deus.

Onde encontrar forças para continuar