Postagens

Mostrando postagens de Março, 2013

Por favor! - Não leia

Imagem
Hoje eu não acordei bem, senti vontade de ficar só. Perguntei-me o que eu estava fazendo ao seu lado; É um amor perjúrio?
Saí sem destino, sem pensar, somente escrevi um bilhete e deixei na cabeceira da cama. Quando ela chegar irá ler. Espero que ela entenda que não da mais, pois esta manha eu acordei me sentindo sufocado, preso ao um amor que não faz sentido.
Nem sei onde estou, na verdade nem sei quem sou. O que eu fiz? – o que deixei escrito naquele bilhete?
Estou eu aqui sentado na areia da praia vendo o por do sol. Neste momento toda a minha vida passa em minha mente. Tudo que conquistei; tudo que perdi. Lembro-me de quando a conheci, foi um dos melhores momentos de minha vida. Lembro-me de quando tudo começou a dar errado, de quando fiquei sem nada, de quando fui humilhado, pisoteado. Ela estava ao meu lado. Sofreu o meu sofrimento, não me abandonou. Depositou toda a sua confiança em mim; acreditou em mim; deu-me palavras de incentivo e disse que tudo ia dar certo e que jamais me aba…

E se fosse ontem?

Imagem
E se fosse ontem? Talvez eu estivesse contigo, Lhe aconchegaria no abrigo de meu abraço. Formaria o laço eterno. O brilho fraterno estaria envolto de nós dois.
E se fosse ontem? Talvez hoje você me concedesse seu amor. Talvez hoje você não pensasse na dor de ouvir não venha. Sei que coloquei uma senha em seu coração, Mas, você descobriu o segredo. Tua duvida tornou-se razão e tua razão o meu medo.
Tenho medo de te perder, Mas não sei o que fazer ou dizer para manter seu amor.
Sei que seus sentimentos debulham-se em lágrimas, Também sei que sou culpado, sentenciado e condenado por te magoar. Por te fazer chorar, por lhe dar esperança, por formar e por quebrar a aliança de nosso sentimento.
Lamento! – quero reacender a chama apagada. Quero fazer o ontem transformar-se em hoje e pensar que nada aconteceu. Quero fazer o mundo transformar-se em você e eu. Quero ser hoje o que nunca foi ontem. Quero, hoje, ter a coragem de dizer me espera, estou chegando. Quero, hoje, lhe prometer o que jamais lhe prometi. Que…

E agora?

Imagem
E agora? Lhe magoei sem motivo aparente, Na chagada do amor estive ausente, Na minha frente não enxerguei um palmo sequer.
E agora? Descobri que você faz falta, Deixei em pauta o sussurro do coração, De recordação só o perfume de mulher.
E agora? Quem disse que o homem não chora? Quando o amor vai embora, O bruto deixa de ser bruto ao se deparar com a solidão.
E agora? A fortaleza permanece só por fora, Por dentro não vejo a hora de encontrá-la novamente. Quero resgatar o amor poente e lhe pedir perdão.

Atenção! - todos os artigos aqui postados são protegidos por direitos autorais. Você pode copiar desde que sejam dados os créditos ao autor e ao blog/site.
Titulo: E agora? Autor:Henrique Neves Blog:Ler, ler e Escrever Categoria:Poesias