Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2015

Talvez... Se não fosse por amor.

Imagem
Talvez... Se eu não te amasse Já teria ido embora. Talvez... Se não fosse por amor Não veria a hora de me afastar de você. Talvez... Por assim dizer, talvez.
O que somos capazes de fazer por amor? – Será que o amor por outra pessoa ultrapassa todas as barreiras?
Outro dia em meu trabalho um dos funcionários deixou de almoçar. Eu achei estranho, pois quem é que se daria o trabalho de preparar um almoço, aprontar uma marmita e ficar sua hora de almoço sem comer? – Como sou assistente administrativo e praticamente lido com todos os funcionários resolvi perguntar se estava ocorrendo algum problema, até pelo fato de poder ajudar de alguma forma, e a resposta que obtive foi de que ele havia se separado de sua esposa.
Na hora fiquei meio sem ação, afinal não era essa a resposta que eu imaginava ter, e sinceramente fiquei um tempo calado por não ter uma resposta que pudesse ajudar de alguma forma, e mesmo que tivesse, será que iria adiantar? – Como disse Chico Xavier“qualquer um é capaz de suportar …

Ainda tenho esperança

Imagem
Fui feito de lágrimas, hoje de sorriso. Já fui inimigo, hoje amigo. Já falei demais, hoje fico em silêncio. Por dentro meu coração explode de alegria Faço do mundo real a fantasia de uma criança, Vou pintar meu mundo de verde Para mostrar que ainda tenho esperança.
Canta esperança! – Voa e pousa no jardim do coração. Transforme em sim o não dito ao amor. Regue a flor com gotas de mel, Que se arrependa o infiel a Deus.
Eu acredito, ainda tenho esperança! Dança na chuva pequeno menino, Mas cuidado para não se resfriar No teu sorriso vejo a bonança, A tua alegria é que ensina a amar.
Vai esperança! – Apaga o cinza das nuvens Faz brotar a flor no meio do nada, Pois quando encerrar a alvorada verei o sol surgir.

Henrique Neves