As pessoas perdem tempo...

as pessoas perdem tempo
As pessoas perdem tanto tempo brigando, querendo mostrar que são melhores, que sua opinião vale mais, que seu problema é maior. Perdem tempo em criticar atitudes, em julgar atos, em falar mal de quem não pode se defender. Perdem tempo em causar intrigas, em trazer discórdia. Perdem tempo reclamando do que não conquistaram, ou, porque não conseguiu comprar uma roupa, um tênis, um boné. Enfim, perdemos tempo em olhar para nosso próprio “umbigo”, para nossas vontades; para nosso egoísmo, que acabamos deixando passar o que a vida tem de melhor a oferecer, e com isso, acabamos, também, por afastar pessoas de bom apreço, amizade e amor; em conseqüência disto, a família.

Estamos aqui só de passagem, então, pra que perder tempo plantando a solidão se Deus nos deu a capacidade de Amar uns aos outros?

Enquanto muitos reclamam por não ter carne, outros estariam satisfeitos se tivessem pelo menos o arroz. Enquanto muitos reclamam por não comprar um "Nike", outros se dariam por satisfeitos em ter, nem que fosse, um chinelo.

Eu o que você vai dizer, “ah! – somos humanos, cometemos erros; não tenho culpa da miséria do mundo” – é, verdade, somos humanos, mas, seriamos mais humanos se ao invés de olhar para o espelho, parássemos para olhar o que tem ao redor. Todos somos vilões, todos somos salvadores, pois até uma pedra retirada do caminho para que alguém não tropece, já é um ato de amor para com o próximo.

O que nos torna bons ou ruís, não é o que temos, mas o que somos. Não é o que temos, ou deixamos de ter, que vai dizer e/ou mostrar quem somos, mas sim, nossas atitudes.

Podemos até enganar uns aos outros, mas não podemos enganar a Deus.


Henrique Neves

Comentários

  1. Um texto perfeito que concordo plenamente.
    Um abraço.
    Élys,

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Pollyanna “o jogo do contente”

Não somos filhos da religião, somos filhos de Deus.

Onde encontrar forças para continuar