A arte

sem pressa do amanhã


A arte de viver, de sorrir querendo chorar, de esperar acontecer sem pressa do amanhã.

A arte da pureza da criança, a alegria que esplandece o mundo.
A arte de manter um fio de esperança quanto tudo parece perdido.
A arte de perdoar mesmo sem cometer o erro.
A arte de AMAR!


Atenção! - todos os artigos aqui postados são protegidos por direitos autorais. Você pode copiar desde que sejam dados os créditos ao autor e ao blog/site.

Titulo: A arte
Categoria: Poesias

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pollyanna “o jogo do contente”

Não somos filhos da religião, somos filhos de Deus.

Onde encontrar forças para continuar