Meu pai, meu herói...


pai e filho











Meu pai, meu herói...
Você me ensinou que o mundo não se constrói só de sonhos, pois as adversidades da vida, por vezes, farão nossos sonhos desmoronarem, mas que a perseverança pode fazer com que nossos sonhos se realizem.

Meu pai, meu herói...
Você me disse um dia que ficar só, não é apenas não ter ninguém por perto, mas não ter ninguém com quem contar, pois quem constrói verdadeiras amizades, pode viver só, morar só, mas nunca estará sozinho.

Meu pai, meu herói...
Quando criança você me pegou no colo e disse que sempre estaria comigo, que eu sempre poderia contar com você, mas que não me acomodasse e nem me acostumasse com isso, pois um dia haveria a necessidade em que eu teria que caminhar com as próprias pernas.

Meu pai, meu herói...
Você me disse que a vida não seria fácil, que muitos iriam tentar me derrubar, e que haveria um momento em que minhas forças iriam se esgotar, mas que eu não desistisse que mantivesse minha fé, pois só assim eu conseguiria me reerguer.

Meu pai, meu herói...
Você me ensinou que para ser homem não seria necessário ser valente, que a força não é feita de músculos, mas de dignidade, de honradez, de humildade e de caráter.

Meu pai, meu herói...
Você se resume no elo, na verdade, na alegria, na preocupação em me ver bem. Você é o sinônimo de dignidade, de moralidade, de coragem, de bondade e amor.

Meu pai, meu herói...
Eu sei que a vida é cheia de surpresas, e que o amanhã só Deus conhece, mas se por ventura, Deus decidir que não vamos mais nos ver, quero aproveitar este momento para lhe dizer. PAI EU TE AMO! – VOCÊ FOI, É, E SEMPRE VAI SER MEU HERÓI.


Atenção! - todos os artigos aqui postados são protegidos por direitos autorais. Você pode copiar desde que sejam dados os créditos ao autor e ao blog/site.

Categoria: Poesias 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pollyanna “o jogo do contente”

Não somos filhos da religião, somos filhos de Deus.

Onde encontrar forças para continuar